Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 1, 2009

Ela disse Adeus

Estava finalmente partindo. Um suspiro de alívio escapou por entre seus dentes e uma lágrima do mais puro êxtase rolou de seu olho direito. Aquela seria a última vez que se entregaria ao homem que amava, mas que dela só esperava os prazeres carnais. Que tola fora! Foi tão rápido, como sempre, e já era hora de se despedir.
Ela não quis deixar claras suas intenções. Havia planejado um enorme e elaborado discurso, onde ele apenas escutaria distante, mas o mesmo ficou preso em sua garganta. Então, antes que as lágrimas fossem mais fortes que seus cílios longos e pretos, ela apenas beijou-lhe uma das bochechas e aspirou aquele perfume que tantas vezes a deixara zonza.
Ele fez menção de segurar-lhe o queixo e depositar um selo em seus lábios, mas ela esquivou-se antes que alguém conhecido os visse. A passos rápidos e largos, o escarpim batendo contra o cimento molhado da calçada, ela flutuou de volta até sua casa - vazia, escura e fria como um freezer.
Apertou o sobretudo em volta do pescoço …